Colégio Padre Antonio Vieira

Festa dos Jogos

Temos enorme alegria em compartilhar abaixo o discurso do aluno João Pedro Ramos, da 1ª série do Ensino Médio, no encerramento da nossa Festa dos Jogos. O João Pedro soube descrever com palavras certeiras e emocionantes o espírito da festa.

“A nossa Festa dos Jogos.

Hoje é um dia muito especial para todos nós, um dia de festa e celebração, celebração essa que fomos privados de fazer no ano passado, por conta da pandemia do COVID-19, que nos isolou dos amigos mais próximos, e nos forçou a nos reinventarmos de diversas maneiras.

Quem vê de fora a Festa dos Jogos, pode não entender nosso amor por ela, ou pode imaginar que seja um evento que estimule a competição, a meritocracia ou até mesmo a separação entre os alunos, mas isso não poderia ser mais distante da realidade. A Festa dos Jogos acima de tudo é um evento que promove a união e a cooperação.

Não é só sobre a vitória, a competição ou o status, estamos aqui para acolher a todos, encontrar forças que desconhecemos, nos fortalecer como grupo e entender o real sentido da cooperação e da empatia.

Ainda assim não poderia deixar de agradecer a dedicação do meu time, tenho orgulho de ter competido ao lado de pessoas que mesmo perante as adversidades apresentadas, demonstraram tanta coragem, perseverança e dedicação, demonstraram o que é ser vermelho.

Peço a todos que festejem por termos um colégio que valoriza o protagonismo dos alunos, que entende que momentos de vitória e derrota nos fortalecem, e nos ensinam as mais valiosas lições da vida.

Espero que as lições aqui aprendidas fiquem para nossas vidas, lembrando que o caráter, a empatia e a ética nunca podem faltar, mesmo quando diante de algum adversário nesta competição que é a vida.

Minha camisa é vermelha, mas meu coração será sempre COPAVI.

Independente da vitória ou da derrota, tenho profundo orgulho e admiração por todos que participaram. Nunca esquecerei a garra, a dedicação e esforço de cada uma dessas pessoas. Hoje sinto que todos somos vencedores, pois ganhamos a oportunidade de compartilhar esse momento. Chorem, comemorem, guardem lembranças e compartilhem abraços pois esse é o maior dos prêmios que a Festa dos Jogos pode nos dar.

João Pedro Ramos”